Autonomia, postura ética e visão crítica estão entre os princípios e valores do CEAT para a formação de cidadãos preparados e engajados com a sociedade. O aprendizado, a reflexão e a aplicação prática destes conceitos acontecem de maneira constante nas propostas pedagógicas e envolvem os alunos de diversas faixas etárias, professores e, muitas vezes, representantes de organizações externas ao CEAT.
Neste sentido, o workshop “Caminhos para o mundo que sonhamos” envolveu os alunos da 3ª série do Ensino Médio nesta semana. A atividade teve por objetivo estimular os alunos a identificarem suas aspirações para a sociedade em que vivem e quais estruturas os impedem de alcançá-las, além de encorajar a criação de estratégias para superar os problemas identificados. As capacidades desenvolvidas no workshop tiveram cunho social e acadêmico, contribuído através das reflexões para o crescimento pessoal dos alunos e para o desempenho em processos seletivos para o ingresso nas universidades. O momento de reflexão aconteceu na aula de história do professor Leonel von Mühlen.
O ex-aluno do CEAT Giácomo Ramos, estudante de Ciências Políticas e Antropologia na Universidade de Chicago (UChicago), é um dos organizadores do workshop. Ele integra o Projeto Andemos, iniciativa criada em 2020 que reúne quatro estudantes universitários com o intuito de contribuir para a educação política no Brasil.

Toshyro Inovação e Tecnologia