SejaPromover a educação socioemocional é um exercício permanente na história secular do CEAT. A partir do autoconhecimento e do autocuidado, o aluno desenvolve um olhar atento para si e para o outro, colaborando para um ambiente escolar mais pacífico e construtivo. As vivências com esta finalidade são parte do Projeto Pedagógico e acontecem de forma transversal, integrando diferentes componentes curriculares e momentos da formação escolar.
Ao encontro da proposta do CEAT, o programa SEJA– Educação socioemocional para crianças e jovens foi lançado nesta semana na Unidade Lajeado e também será estendido à Unidade Região Alta. A iniciativa, desenvolvida pelo município de Lajeado em parceria com o Instituto Cidade Segura, propõe a realização de 20 sessões, uma vez por semana, ao longo dos nove anos do Ensino Fundamental. Nas turmas de 1ª a 4ª série o Programa será desenvolvido pela professora titular e nas turmas de 5ª a 9ª série durante as aulas de ensino religioso. A coordenadora do Programa é a professora Priscilla Hasstenteufel.
O Programa SEJA foi inspirado em experiências internacionais somadas a aspectos culturais locais. Um dos objetivos é desenvolver habilidades socioemocionais capazes de prevenir os mais diferentes comportamentos de risco, como violência, uso de drogas, depressão e obesidade.
Ainda em 2019, o CEAT acolheu positivamente a possibilidade de participar do Programa Lajeado Pacto Pela Paz, desenvolvido pelo município em parceria com o Instituto Cidade Segura. e coordenado pela assistente social, Tânia Fröhlich Rodrigues, ministrante das formações de Círculos de Construção da Paz do CEAT. Diante dos desafios com a pandemia, o início previsto para 2020 foi suspenso.

Toshyro Inovação e Tecnologia