AssembleiaA reflexão, o respeito mútuo, a tolerância e a cooperação são habilidades incentivadas em diferentes espaços sociais. A escola é um destes locais de desenvolvimento, onde, através de diferentes iniciativas, os alunos são acolhidos e têm espaço de fala.
Em ambas as unidades do CEAT, duas propostas estão envolvendo os estudantes de diferentes séries: as rodas de conversa e as assembleias de turma. A primeira ação é conduzida pelos professores coordenadores de turma da 5ª série do Ensino Fundamental a 3ª série do Ensino Médio. Utilizando técnicas como a nuvem de palavras, o storytelling e a contação de história, os docentes incentivam os alunos a expressarem seus sentimentos, tendo como tema central situações de superação que vivenciaram no período de pandemia ou ao longo de suas vidas. Além disso, o momento incentiva o exercício da escuta, da empatia e do acolhimento. Antes de conduzir a atividade, os professores participaram de um momento de preparação com a equipe de Orientação Educacional.
Já nas assembleias, realizadas há mais de dez anos, o objetivo é de melhorar as relações dos alunos a partir de debates em grupo e desta forma criar e ampliar as condições para cada um viver e refletir sobre as trocas realizadas no espaço escolar. Os debates, que acontecem ao longo do ano, são dirigidos pelos estudantes e acompanhados por professores e profissionais da Orientação Educacional. Cada assembleia conta com um coordenador, um organizador e um relator, que registra em ata os principais assuntos discutidos e as decisões tomadas. Neste ano, as assembleias acontecem para as turmas a partir da 1ª série do Ensino Fundamental em ambas unidades.
Além das rodas de conversa e das assembleias, voltadas para o Ensino Fundamental e Médio, as turmas da Educação Infantil realizam rodas de conversa conduzidas pelas professoras de acordo com a necessidade de cada grupo e a faixa etária dos alunos.

Toshyro Inovação e Tecnologia